8 min de leitura

Quando empresas devem agir juntas

Capitalizar grandes oportunidades e resolver problemas sistêmicosexigirão que as organizações se unam para desenvolver estratégias em grupo

Rafael Ramírez, Trudi Lang, Matthew Finch, Gail Carson e Dale Fisher
12 de junho de 2024
Quando empresas devem agir juntas Imagem se não é conteúdo que normalmente tem um PDF
Link copiado para a área de transferência!

Empresas, ONGs e outros entes acham útil se reunir em redes de organizações para enfrentar desafios de grande escala, como eventos climáticos extremos e desastres humanitários. Mas elaborar estratégias nessas metaorganizações é diferente e muito mais difícil do que em apenas uma organização. As metaorganizações (termo cunhado por Göran Ahrne e Nils Brunsson) podem variar de grupos comerciais bem estabelecidos, como a International Air Transport Association (Iata), a grupos de curta duração, como a Força-Tarefa Empresarial do Brexit.

Outro exemplo é a Global Outbreak Alert and Response Network (GOARN), que reúne mais de 250 organizações e trabalha para garantir que os recursos cheguem rapidamente àqueles que solicitam apoio durante crises internacionais de saúde pública. As operações da GOARN ficam na sede da Organização Mundial da Saúde, em Genebra. No fim de 2021, o comitê enfrentava incertezas sobre o desfecho da pandemia e o futuro que a GOARN enfrentaria. Parceiros pediam que a missão da GOARN fosse expandida. A liderança da rede percebeu que ela precisava evoluir, o que exigiria uma nova estratégia, que atendesse às necessidades do coletivo como um todo e às de cada parceiro.

Como navegar em um mar de riscos
Este conteúdo faz parte da edição #15 do MIT SMR Brasil.Já tem acesso? Fazer loginAssinarComprar edição
Rafael Ramírez, Trudi Lang, Matthew Finch, Gail Carson e Dale Fisher
Rafael Ramírez é diretor do Oxford Scenarios Programme, da Saïd Business School da Oxford University. Trudi Lang é diretora do Oxford Collaborative Strategy Lab na Saïd Business School. Matthew Finch é membro associado da Saïd Business School. Gail Carson é presidente da Global Outbreak Alert and Response Network (GOARN). Dale Fisher é professor de medicina da National University of Singapore e ex-presidente da GOARN.

Deixe um comentário

Você atualizou a sua lista de conteúdos favoritos. Ver conteúdos
aqui